Comissão julga proposta do Cabo Sabino que regulamenta carga horária de policiais e bombeiros

Maio 17, 2016 Sem comentários »

Será instalada na Câmara Federal, na próxima terça-feira (17), a Comissão Especial que julgará o mérito da Proposta de Emenda a Constituição Federal 44/2015, de autoria do deputado federal Cabo Sabino (PR), que regulamenta direitos históricos dos policiais e bombeiros militares do País, no tocante a carga horária de trabalho diário e semanal dos profissionais de segurança pública.

A PEC propõe que “salvo nos casos de intervenção dos Estados nos municípios e nas hipóteses de decretação de Estado de Defesa ou de Estado de Sítio, a duração do trabalho do policial e do bombeiro militar não poderá ser superior a quarenta horas semanais, facultada a compensação de horários”.

JUSTIFICAÇÃO

Na justificativa, o parlamentar lembra que a Constituição Federal de 1988 (CF/88), estabeleceu uma carga horária máxima semanal para os trabalhadores urbanos e rurais, porém, de forma não isonômica, não determinou, uma carga de trabalho semanal máxima para os militares estaduais.

Dessa forma, conforme o deputado permitiu que os servidores militares estaduais fossem submetidos a jornadas “extenuantes” e “desumanas”, absolutamente contraindicadas, em razão do nível de estresse que geram, para servidores que são armados pelo Estado e que têm autorização legal para o uso da força.

“Como esperar que um ser humano, submetido a risco de vida durante jornadas de trabalho semanais extensas, possa agir sempre com perfeito equilíbrio e acurada capacidade de julgamento, com decisões a serem tomadas, algumas vezes, em tempo curto e sob condições extremas?”, questiona Cabo Sabino.

Para reduzir-se essa situação de risco, o parlamentar propõe a Emenda à Constituição.

“Certo de que os ilustres pares concordarão com a importância das mudanças propostas para a melhoria da segurança pública em nosso País, espera-se contar com o apoio necessário para a aprovação desta PEC”, sensibiliza o parlamentar.

Assunto Relacionado

Comente