Exclusivo: mulher que cometeu homicídio em Iguatu, se apresenta na delegacia e concede entrevista

Junho 18, 2015 Sem comentários »

Após várias diligências a Polícia Militar e Civil conseguiram elucidar o caso de homicídio que aconteceu em Iguatu, nesta quinta-feira,18, Cicera Silvana Bezerra, 27, se apresentou na Delegacia de Iguatu com um advogado logo após o crime.

É o que informa o comandante do 10º BPM de Iguatu, Tenente Coronel Paiva, “ fizemos muitas diligências desde a ação criminosa e após vários contatos a Silvana se apresentou na Delegacia de Iguatu, e confirmou que tirou a vida da Jucileide devido a um problema que teve entre os filhos numa escola, ela foi tirar satisfação com a vítima e no final acabou em tragédia”, disse.

Em relação a participação da Marciana Ferreira da Silva, 28, o comandante destaca que a mesma afirma que não sabia que participaria de um crime, “ questionamos a Marciana e ela declara que não sabia que a amiga estava armada e que faria algo tão terrível, este foi o depoimento dela”, destacou o Tenente-Coronel, Paiva.

A arma do crime e a moto utilizada também foram encontradas no Bairro Jardim Oásis.

Logo após, a nossa reportagem entrevistou a própria Silvana que por alguns minutos chorando disse que estava arrependida, “ foi um momento de fúria, não queria fazer aquilo, estou arrependida”, disse a acusada.

“Foi a emoção o sobrinho dela, bateu na minha menina e fui lá para que fizesse a mesma coisa com o menino, ela veio para cima de mim, bateu no meu peito e peguei a arma e atirei nela”, afirmou a Silvana.

“ Peço perdão por tudo, não queria fazer isto, lamento pela família e por mim também”, disse.

Em relação a participação da amiga, Silvana diz que a mesma não sabia de nada.

Assunto Relacionado

Comente